Muita ousadia e suspense em 'Alma, essa noite pedirão a sua', compilação do autor Marcos de Sousa


Quando o assunto é terror na literatura muitos leitores já ficam de cabelos arrepiados e logo procuram os cobertores da cama para se esconderem das assustadores criaturas sombrias que imaginam encontrar nas histórias. O gênero vem chamando muita atenção pois desprende uma gama de possibilidades e tem apresentado ao cenário nacional muitos novos escritores de talento que sabem muito bem o que estão narrando e onde querem chegar com os seus enredos que, quando acompanhados com uma boa dose de suspense, podem se transformar facilmente em verdadeiras obras de arte. Marcos de Sousa e sua pequena compilação que causa um certo impacto com o título Alma, essa noite pedirão a sua, mostra, com criatividade e muita expectativa, um imo atraente nos três contos que compõe a obra. Com uma variedade de cenários e recursos do próprio gênero, o autor seduz o leitor e mostra um bom domínio ao narrar Ainda não acabou, O Vale da Morte e Essa noite pedirão sua alma.

Juntando elementos do cotidiano como traição em relacionamentos, caráter, fobias, solidão, desespero, traumas, loucura e desejo, Marcos de Sousa torna a leitura muito envolvente ao prender a atenção com uma consonância elegante e muito admirável na escrita. O trecho "Socou o vidro e ele ficou totalmente trincado, parecendo com uma teia de aranha irônica, que ria dele com aquela espécie de sorriso sacana que inflama os nervos", que faz parte do conto Ainda não acaboucom forte teor de suspense e indícios de ansiedade —, enfatiza a questão comportamental da personagem em quesito e não deixa de lado o velho ar medonho, tenso e atraente ao utilizar componentes clichês do mundo do suspense/terror, e uma dita ousadia que tanto agrada os amantes do gênero, como observado em: "O medo o dominou; ele não tinha mais como resistir. Entregava-se a quem quer que fosse. Ele estava destruído". 

A rápida experiência ao ler esta compilação que o Marcas Literárias denominou carinhosamente de "amálgama de suspense/terror", foi ótima. Em poucos minutos o leitor pode conhecer um pouquinho mais do autor ao encarar os três contos que têm enredos atuantes e originais. Em O Vale da Morte, por exemplo, Marcos de Sousa mostra essa variável ao intercalar personagens em uma trama interessante e sangrenta, e sem desprezar o lado sombrio: "As vozes aumentavam e agora eram várias... Sangue, queremos sangue!, falava a primeira voz. Traga-nos as almas, minha doce criança!, gritava uma outra. Uma mais grossa, parecendo de um homem, chamava: Mate-a, mate-a, mate-a". Em todos os contos, o autor retratou personagens e linguagens adultas, cada quais trabalhados até onde as historietas — narradas sempre por um relator observador — permitiram. 

A tese sobre o sobrenatural e entidades macabras entra em pauta mais diretamente no conto que marca o encerramento da compilação. Essa noite pedirão sua alma é basicamente formado por um pano de fundo clichê mas que surpreende ao intimidar o leitor com criações e descrições inusuais. De uma maneira muito positiva, os motivos e as causas, neste conto, tomam um rumo diferente do imaginado: "Da sombra do invocador, surgiu uma criatura bestial, meio polvo, meio morcego, e emitiu um novo rugido". Essa noite pedirão sua alma é agradável e logo entende-se o porquê de o mesmo praticamente intitular a obra. A alta proporção de tensão, curiosidade e atração é inevitável. 

Marcos de Sousa, que tem publicado os livros Coração de Vidro e Mensageiros da Morte, trabalhou com bons desfechos e conseguiu aduzir suas narrativas ao mundo real, personificando em cada leitor, o medo, o desconhecido e o improvável. Alma, essa noite pedirão a sua marca uma bela presença no meio dos lúgubres, loucos e solitários leitores; é uma compilação ousada, excitante e que, apesar de curta, expressa um lado encarcerado de suas personagens, que buscam desatar os nós que os prendem ao mundo palpável: "Nos olhos da criatura ele viu milênios de conhecimento; conseguia enxergar o passado e o futuro, estrelas longínquas, criaturas estranhas e antropomórficas, monstros tão medonhos que nem mesmo a mente mais fértil seria capaz de conceber".

Em um encontro com o autor num evento literário no Rio de Janeiro, pude dividir o mesmo espaço em uma roda de conversas e conhecer um pouco de suas ideias. A habilidade e técnica do autor são indiscutíveis. Alma, essa noite pedirão a sua está disponível na Amazon desde 2014 e transita atualmente entre as 100 mais vendidas obras na categoria coleções e antologias. Você pode adquirir a pequena compilação por um preço bem acessível e degustar destas incríveis histórias. Sucesso ao autor!

Sobre o livro

Título: Alma, essa noite pedirão a sua
Autor: Marcos de Sousa
Estrelas: ✮✮✮✮✮
Gênero: Contos
Páginas: 28
Ano: 2014

Sinopse: Alma é uma antologia com três contos de terror: Ainda não acabou, O vale da morte e Essa noite pedirão sua alma. O primeiro conto mostra como o término de um relacionamento pode ser traumatizante; seja física ou mentalmente. Nesse cenário, Henrique irá descobri que, para muitas coisas, não há explicação. No segundo conto, um grupo de jovens infratores russos é enviado para o Vale da Morte, localizado na Sibéria, a fim de pagar seus crimes com um trabalho para o exército. Porém, o que tais jovens nem imaginavam é que o nome de tal lugar não foi dado levianamente. Lá, estranhos acontecimentos são relatados e a vida deles pode estar em jogo. No último conto, um garoto recebe um chamado de um ser que lhe é completamente estranho. Após aceitar esse estranho convite, sua vida mudará para sempre e sangue inocente estará em suas mãos.

Sobre o autor

Marcos de Sousa é formado em Letras e produção textual. É autor dos livros "Coração de Vidro" e "Mensageiros da Morte". É autor participante de várias antologias, como "Socorro, Minha Vida é uma Comédia!" e "E Se Só Me Restasse Esse Dia". 

O livro na Amazon: https://goo.gl/40Obd9
O autor no Facebook: https://goo.gl/KZtp4V

8 comentários:

  1. Gente, como diz a minha prima, eu sou a maior Maria Pesadelo, HAHAHAHA.
    Eu não leio quase nada de terror, porque sou muito medrosa.
    Mas achei muito legal a premissa do livro e saber que tem muitos autores brasileiros indo para a área do terror. Aliás, é bom saber que temos autores brasileiros em todos os cantos, hehe.
    O Marcos é o do blog Desbravadores de Livros, né?

    Beijooos

    www.casosacasoselivros.com
    www.livrosdateca.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Teca, lembro-me que você não é mesmo fã do mundo sombrio, rsrsrs.

      Entretanto, se você gostasse de se aventurar por estas entrelinhas, tenho certeza que seria de se agrado as composiçoes do Marcos pois sao incríveis. Saber que temos autores qualificados nessa vertente me deixa também muito feliz.

      Beijo e obrigado pela visita.

      Excluir
  2. Livros onde as estórias são descritas em forma de contos muito me atrai. Pois geralmente são super rápidos de serem lidos. Parece bem instigante a leitura dessa obra, adorei a indicação, abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Luciano!

      A leitura me prendeu e, quando me dei conta, já estava acabando, mas da melhor maneira possível. Realmente foi de meu agrado.

      Abraços.

      Excluir
  3. Muito obrigado pelas palavras.
    Não esperava uma resenha tão profunda, bem embasada e maravilhosamente escrita assim. Estou muito feliz.
    Espero que os próximos contos e livros também consigam agradar-lhe.

    Forte abraço,
    Marcos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido Marcos, uma honra a sua visita ao Marcas.

      O parabenizo pelas composições atraentes e instigantes em Alma. Surge agora, a vontade maior de ler outras obras suas. A sua escrita é maravilhosa. Desejo sucesso! Continue escrevendo essas histórias incriveis.

      Abraço.

      Excluir
  4. Estou ficando viciada neste gênero, contos então a gente lê rapidinho olhando pra janela kkkk. Brincadeirinha, não tenho medo. Parabéns pela resenha!!!!
    Pronto ebook comprado pela amazon.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo Luh, contos de terror são sempre ótimas companhias.
      Beijos, obrigado pela visita.

      Excluir

Conheça mais sobre quem escreve no Marcas

RESENHA DE 'LOUI' NO TRILHANDO HISTÓRIAS, INSCREVAM-SE

Artigos, crônicas, contos e poesias